quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

NO MONTE DA PROVAÇÃO HÁ PROVISÃO.

Texto básico: E aconteceu, depois destas coisas, que tentou Deus a Abraão e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. E disse: Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá; e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi. Então, se levantou Abraão pela manhã, de madrugada, e albardou o seu jumento, e tomou consigo dois de seus moços e Isaque, seu filho; e fendeu lenha para o holocausto, e levantou-se, e foi ao lugar que Deus lhe dissera. Ao terceiro dia, levantou Abraão os seus olhos e viu o lugar de longe. E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e, havendo adorado, tornaremos a vós. E tomou Abraão a lenha do holocausto e pô-la sobre Isaque, seu filho; e ele tomou o fogo e o cutelo na sua mão. E foram ambos juntos. Então, falou Isaque a Abraão, seu pai, e disse: Meu pai! E ele disse: Eis-me aqui, meu filho! E ele disse: Eis aqui o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto? E disse Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. Assim, caminharam ambos juntos. E vieram ao lugar que Deus lhes dissera, e edificou Abraão ali um altar, e pôs em ordem a lenha, e amarrou a Isaque, seu filho, e deitou-o sobre o altar em cima da lenha. E estendeu Abraão a sua mão e tomou o cutelo para imolar o seu filho. Mas o anjo do SENHOR lhe bradou desde os céus e disse: Abraão, Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. Então, disse: Não estendas a tua mão sobre o moço e não lhe faças nada; porquanto agora sei que temes a Deus e não me negaste o teu filho, o teu único. Então, levantou Abraão os seus olhos e olhou, e eis um carneiro detrás dele, travado pelas suas pontas num mato; e foi Abraão, e tomou o carneiro, e ofereceu-o em holocausto, em lugar de seu filho. E chamou Abraão o nome daquele lugar o SENHOR proverá; donde se diz até ao dia de hoje: No monte do SENHOR se proverá. Gn.22.1-14.

Introdução: Neste episódio, Abraão, o pai da fé, é desafiado mais uma vez por Deus, a lhe ofertar o seu filho Isaque, a quem ele tanto amava. Deus decidiu provar a fé de Abraão para vê a disposição do seu coração em relação a sua obediência e temor a Ele. O amor de Abraão pelo seu filho Isaque, não poderia está acima do seu amor por Deus. Muitas vezes Deus exige de nós que haja renuncias e desapego das coisas materiais e a prioridade seja Ele. Feliz é aquele que é provado por Deus, a bíblia diz: Bem-aventurado o varão que sofre a tentação; porque quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam (Tg.1.12). Se queremos ser coroados, temos que ser provados e aprovados por Deus.

TRÊS ATITUDES DE ABRAÃO, DIANTE DA PROVAÇÃO:

1. OBEDIÊNCIA.

A disposição de Abraão em obedecer a Deus, sem questionar a sua ordem e soberania é algo que serve de lição para todos nós. Se quisermos ver Deus agir a nosso favor com providência, temos que nos submeter a sua vontade. A bíblia diz: Pela fé, Abraão, sendo chamado, obedeceu, indo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia. Hb.11.8.

2. ADORAÇÃO.

Mesmo diante da provação, depois de ter caminhado três dias; Abraão disse a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e, havendo adorado, tornaremos a vós. A verdadeira adoração é um ato de fé, independente das circunstâncias o verdadeiro adorador, ele faz como Abraão, não deixa de adorar a Deus nos momentos difíceis. Diz a bíblia: E não duvidou da promessa de Deus por incredulidade, mas foi fortificado na fé, dando glória a Deus. Rm.4.20.

3. FÉ.

A fé e a obediência andam juntas, a fé verdadeira ela implica em uma devoção sincera a Deus. Quem tem fé e comunhão com Deus, não se desespera quando vem a provação, ou quando chega o dia mal, o dia da angústia; mas crê, e diz como disse Abraão: Deus proverá. Abraão quando levou Isaque, seu filho, para o sacrificar, ele foi pela fé, crendo que Deus era poderoso para depois de morto o ressuscitar. A bíblia diz: Pela fé, ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado, sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito. Sendo-lhe dito: Em Isaque será chamada a tua descendência, considerou que Deus era poderoso para até dos mortos o ressuscitar. E daí também, em figura, ele o recobrou. Hb.11.17-19.

Conclusão: JEOVÁ jireh, o Deus da provisão, nunca vai desamparar aqueles que estão debaixo da sua vontade. A caminhada pode ser longa, o deserto desesperador e a noite parecer não ter fim; mas Deus estar no controle de tudo, trabalhando a favor daqueles que nele esperam, para lhes dá uma grande vitória

Nenhum comentário:

Postar um comentário