sexta-feira, 22 de março de 2013

PROFETIZANDO NO VALE DE OSSOS SECOS.

Veio sobre mim a mão do SENHOR; e o SENHOR me levou em espírito, e me pôs no meio de um vale que estava cheio de ossos, e me fez andar ao redor deles; e eis que eram mui numerosos sobre a face do vale e estavam sequíssimos. E me disse: Filho do homem, poderão viver estes ossos? E eu disse: Senhor JEOVÁ, tu o sabes. Então, me disse: Profetiza sobre estes ossos e diz-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do SENHOR. Assim diz o Senhor JEOVÁ a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis. E porei nervos sobre vós, e farei crescer carne sobre vós, e sobre vós estenderei pele, e porei em vós o espírito, e vivereis, e sabereis que eu sou o SENHOR. Então, profetizei como se me deu ordem; e ouve um ruído, enquanto eu profetizava; e eis que se fez um rebuliço, e os ossos se juntaram, cada osso ao seu osso. E olhei, e eis que vieram nervos sobre eles, e cresceu a carne, e estendeu-se a pele sobre eles por cima;  mas não havia neles espírito. E ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e diz ao espírito: Assim diz o Senhor JEOVÁ: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam. E profetizei como ele me deu ordem; então, o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército grande em extremo (Ez.37.1-10).

O profeta Ezequiel, foi comissionado por Deus para repreender Israel no cativeiro por causa de seus muitos pecados, e de suas constantes dureza e rebelião contra Deus, e contra a sua palavra. Ezequiel é  levado cativo para a Babilônia por volta do ano 597 a.C. Ele profetizou 22 anos, falando a todos sobre o julgamento e a salvação de Deus, conclamando-os ao arrependimento e à obediência. Das muitas visões que Deus deu a Ezequiel, a visão do vale de ossos secos é uma das que mais se destaca, por ela mostrar o amor de Deus pela nação de Israel, falando de uma restauração espiritual, social e política, de uma completa restituição das suas terras e do retorno total da nação de Israel. Esta visão do vale de ossos secos está diretamente vinculada a Israel, todavia pode ser aplicada à igreja no sentido de um grande avivamento e restauração da vida espiritual do povo de Deus.

O QUE É UM VALE?
Um vale é um acidente geográfico cujo tamanho pode variar de uns poucos a centenas ou mesmo milhares de quilômetros quadrados de área. É tipicamente uma área de baixa altitude cercada por áreas mais altas, como montanhas ou colinas. Ezequiel foi levado em espírito pelo SENHOR, há um vale terrível, onde havia muitos ossos secos, era como se fosse um cemitério todo escavado. Este vale de ossos secos que Deus mandou Ezequiel profetizar para que estes se juntassem e voltassem a viver, simbolizava o estado espiritual da nação de Israel. Ele profetizou mas não estava entendendo; então o SENHOR lhe disse: Filho do homem, estes ossos são toda a casa de Israel; eis que dizem: Os nossos ossos se secaram, e pereceu a nossa esperança; nós estamos cortados (Ez.37.11).

TRÊS LIÇÕES DE DEUS NO VALE DE OSSOS SECOS.

1. Mostrar o estado espiritual da nação de Israel.

Por causa das suas desobediências, Deus permitiu que o seu povo fosse levado para o cativeiro pelo rei da Babilônia, para que ali eles aprendessem muitas lições e reconhecessem o seu estado espiritual diante dele.
Os ossos secos representavam o estado espiritual dos judeus no cativeiro; eles estavam dispersos e mortos espiritualmente. Ezequiel sentia que falava com os mortos quando pregava para os exilados, porque eles raramente respondiam à sua mensagem. Mas, na visão, os ossos responderam. E da mesma maneira que Deus trouxe a vida aos ossos, ele traria a vida novamente para o seu povo, que estava espiritualmente morto. Os ossos secos representavam a condição de morte espiritual do povo. Uma igreja pode parecer uma pilha de ossos secos, espiritualmente morta, sem esperança de vida. Mas assim como Deus mostrou a condição espiritual de Israel ao profeta, e prometeu restaura-los; assim também ele nos ensina que, uma igreja morta ou aquela que se encontra em uma UTI espiritual, ele pode e quer restaura-lhe a vida. De fato Deus está trabalhando, chamando seu povo de volta ao altar e dando vida às igrejas espiritualmente mortas. É tempo de despertar.

2. Mostrar a sua soberania.

Diz o texto sagrado: Assim diz o Senhor JEOVÁ a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis. E porei nervos sobre vós, e farei crescer carne sobre vós, e sobre vós estenderei pele, e porei em vós o espírito, e vivereis, e sabereis que eu sou o SENHOR (Ez.37.5,6). O povo havia perdido a esperança, eles estavam oprimidos pelo rei da Babilônia, estavam debilitados, sem forças, e sem condições de reagir. Mas Deus não iria de deixa-los entregue a sua própria sorte, ele haveria de restaurar-lhes, não só espiritualmente, mas socialmente e politicamente, e mostrar para todos que ele é o soberano SENHOR em toda terra. Observe que a expressão, e sabereis que eu sou o SENHOR, se repete por três vezes neste capitulo 37 do livro de Ezequiel, nos versículos: 6,13,14. O propósito de Deus era mostrar a sua soberania e fazê-los entender que ele é o SENHOR. Isto está melhor declarado no capitulo 36 que diz: E vos tomarei dentre as  nações, e vos congregarei de todos os países, e  vos trarei para a vossa terra. Então, espalharei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundicias e de todos os vossos ídolos vos purificarei. E vos darei um coração novo e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei o coração de pedra da vossa carne e vos darei um coração de carne. E porei dentro de vós o meu espírito e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis os meus juízos e os observeis. E habitareis na terra que dei a vossos pais, e vós sereis por povo, e eu vos serei por Deus. Então, saberão as nações que ficarem de resto em redor de vós que eu, o SENHOR, tenho reedificado as cidades destruídas e plantado o que estava devastado; eu, o SENHOR o disse e o farei. Ez.36.24-28,36. Uma parte desta profecia já teve seu cumprimento em 1948, quando o estado de Israel veio a ser reconhecido pela ONU como nação. Depois deste acontecimento, grande número de judeus estão retornando à sua pátria. Porém o real cumprimento desta profecia na sua totalidade, só acontecerá no milênio.

3. Mostrar que Ele faz o impossível acontecer.

Quando o SENHOR levou Ezequiel para lhe mostrar um vale cheio de ossos secos, o profeta ficou assombrado com aquela visão; ao seu ver era impossível que aqueles ossos que estavam sequíssimos viessem a ajuntar-se pondo-se cada um na sua juntura e criassem nervos, e crescessem carne e pele, ficando assim corpos completos e entrassem neles o espírito, e vivessem. Mas, Deus quiz mostrar a Ezequiel, e para toda a nação de Israel, que quando ele quer, ele realiza. Aquilo que aos olhos humanos é impossível, para ele é possível. Deus mandou Ezequiel profetizar para os ossos que estavam sequíssimos, e depois que ele profetizou, ele disse: Então, profetizei como se me deu ordem; e houve um ruído, enquanto eu profetizava; e eis que se fez um rebuliço, e os ossos se juntaram, cada osso ao seu osso. E olhei, e eis que vieram nervos sobre eles, e cresceu a carne, e estendeu-se a pele sobre eles por cima; mas não havia neles espírito. E ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e diz ao espírito: Assim diz o Senhor JEOVÁ: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam. E profetizei como ele me deu ordem; então, o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército grande em extremo. Aleluia! Isto não é um filme de ficção científica feito pelo famoso cineasta e produtor Steven Spielberg, isto é o poder do DEUS el-shaddai, aquele que é todo poderoso, o qual vivifica os mortos e chama à existência as coisas que não existem. Rm.4.17. Porque para Deus nada é impossível (Lc.1.37).
Se Deus mandou descer ao vale, obedeça, desce ao vale e profetiza. Não importa a sua situação, ainda que pareça impossível, Deus é poderoso para reverter a situação e transformar o imprestável em algo de muita utilidade e valor. Depois do vale Deus vai te honrar no monte. Amém!