sábado, 18 de maio de 2013

DEUS ESTÁ IRADO.

Texto básico: Deus é um juiz justo, um Deus que se ira todos os dias. Se o homem não se converter, Deus afiará a sua espada; já tem armado o seu arco e está aparelhado; e já para ele preparou armas mortais; e porá em ação as suas setas inflamadas contra os perseguidores. Sl.7.11-13.

Introdução: A bíblia, que é a palavra de Deus, nos revela vários sentimentos de Deus. Encontramos na bíblia um Deus misericordioso, bondoso, amoroso, benigno, longânimo e piedoso. Porém vamos também encontrar um Deus que se ira, que toma vingança, que pune os culpados, castiga os errados (pecadores), e que é um fogo consumidor. As pessoas se acostumaram a entender que Deus é amor e se esquecem que ele também é justiça. A bíblia está cheia de registros sobre a bondade de Deus, mas também está repleta da sua justiça; é impossível desvincular a bondade da justiça, enquanto a bondade beneficia os necessitados, a justiça corrigi, pune e disciplina os infratores. Se a bíblia diz que Deus se ira, há alguma razão para isto; se fôssemos relatar as passagens da bíblia que diz que Deus se irou, teríamos muitas citações a esse respeito. Mas a verdade é: Deus se irou e está irado com as atitudes dos moradores da terra; em uma população mundial de mais de sete bilhões de pessoas, existem milhões que estão atraindo a ira de Deus para si.

PORQUE E COM QUEM DEUS ESTÁ IRADO.

1. DEUS ESTÁ IRADO COM AS ATITUDES DE MUITOS NO MEIO SOCIAL.

Ouvi a palavra do SENHOR, vós, filhos de Israel, porque o SENHOR tem uma contenda com os habitantes da terra, porque não há verdade, nem benignidade, nem conhecimento de Deus na terra. Só prevalecem o perjurar, e o mentir, e o matar, e o furtar, e o adulterar, e há homicídios sobre homicídios (Os.4.1,2). Aqui está revelado o retrato desta sociedade atual em que estamos vivendo, a medida que a população aumentou, aumentou também a maldade, e estamos vivendo uma época de grande decadência moral, social e espiritual. Deus está aborrecendo as ações de muitos que estão vivendo uma vida de práticas pecaminosas, como mentir, roubar, matar, fazer juramento falso e desprezar conhecer a Deus. Deus está irado com as atitudes de uma sociedade egoísta, cruel, sem afeto natural, desobediente, anarquista e blasfemadora. Deus está irado com as inversões de valores, com a depravação moral e ética, com a falta de respeito as famílias e com a falsa moral de uma sociedade que procura esconder os seus erros e viver de aparências. O apóstolo Paulo nos relata na sua carta aos romanos sobre uma sociedade depravada e mergulhada no pecado. Ele nos fala da manifestação da ira de Deus sobre toda impiedade e injustiça dos homens. Está escrito na carta aos romanos capítulo 1. versiculos 18 ao 32:
18 Portanto, a ira de Deus é revelada dos céus contra toda impiedade e injustiça dos homens que suprimem a verdade pela injustiça,
19 pois o que de Deus se pode conhecer é manifesto entre eles, porque Deus lhes manifestou.
20 Pois desde a criação do mundo os atributos invisíveis de Deus, seu eterno poder e sua natureza divina, têm sido vistos claramente, sendo compreendidos por meio das coisas criadas, de forma que tais homens são indesculpáveis;
21 porque, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças, mas os seus pensamentos tornaram-se fúteis e o coração insensato deles obscureceu-se.
22 Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos
23 e trocaram a glória do Deus imortal por imagens feitas segundo a semelhança do homem mortal, bem como de pássaros, quadrúpedes e répteis.
24 Por isso Deus os entregou à impureza sexual, segundo os desejos pecaminosos do seu coração, para a degradação do seu corpo entre si.
25 Trocaram a verdade de Deus pela mentira, e adoraram e serviram a coisas e seres criados, em lugar do Criador, que é bendito para sempre. Amém.
26 Por causa disso Deus os entregou a paixões vergonhosas. Até suas mulheres trocaram suas relações sexuais naturais por outras, contrárias à natureza.
27 Da mesma forma, os homens também abandonaram as relações naturais com as mulheres e se inflamaram de paixão uns pelos outros. Começaram a cometer atos indecentes, homens com homens, e receberam em si mesmos o castigo merecido pela sua perversão.
28 Além do mais, visto que desprezaram o conhecimento de Deus, ele os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem o que não deviam.
29 Tornaram-se cheios de toda sorte de injustiça, maldade, ganância e depravação. Estão cheios de inveja, homicídio, rivalidades, engano e malícia. São bisbilhoteiros,
30 caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, arrogantes e presunçosos; inventam maneiras de praticar o mal; desobedecem a seus pais;
31 são insensatos, desleais, sem amor pela família, implacáveis.
32 Embora conheçam o justo decreto de Deus, de que as pessoas que praticam tais coisas merecem a morte, não somente continuam a praticá-las, mas também aprovam aqueles que as praticam.
É preciso que haja arrependimento sincero e mudança de atitudes, para que a ira de Deus se afaste e venha a sua misericórdia. Porque Deus quer que todos os homens se salvem e venham ao conhecimento da verdade (1Tm.2.3,4).

2. DEUS ESTÁ IRADO COM AS ATITUDES DE MUITOS NO MEIO POLÍTICO.

Antes de tudo, recomendo que se façam súplicas, orações, intercessões e ações de graças, em favor de todas as pessoas; pelos reis e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranquila e pacífica, com toda a piedade e dignidade (1Tm.2.1,2). Esta recomendação do apóstolo Paulo, deixa claro que as autoridades precisam de orações, porque delas dependem toda ordem, leis e princípios que regem uma sociedade. A palavra de Deus nos ensina que devemos obedecer as autoridades, porque elas foram constituídas por Deus (Rm.13.1,2). A bíblia diz que, temer a Deus e guardar os seus mandamentos, é o dever de todo homem (Ec.12.13). Infelizmente, os governos e os homens que estão no poder, são na maioria das vezes egoístas, mentirosos e sem respeito com povo; muitos tem aparência de piedosos, mas não são. Deus está irado com uma política corrupta, onde os políticos não estão honrando os seus compromissos e promessas e estão fazendo leis que lhes favorecem e deixando os mais carentes às margens da pobreza e da miséria. Deus não está satisfeito com as atitudes dos políticos que estão criando leis que desabonam os princípios éticos da família e contrariam a sua palavra; Deus está irado com os políticos que por troca de favores e votos, agem de forma errada para prejudicar a maioria e beneficiar o seu grupo de corruptos. A política que é uma organização eficaz para promover a ordem e o desenvolvimento da sociedade, está sendo usada muitas vezes para oprimir e escravizar os cidadãos. Mas Deus há de trazer a juízo toda a maldade e tudo o que está encoberto será revelado. É tempo de arrependimento, o justo juiz está às portas.

3. DEUS ESTÁ IRADO COM AS ATITUDES DE MUITOS NO MEIO RELIGIOSO.

Porque o Senhor disse: Pois que este povo se aproxima de mim e, com a boca e com os lábios, me honra, mas o seu coração se afasta para longe de mim, e o seu temor para comigo consiste só em mandamentos de homens, em que foi instruído (Is.29.13). O povo do tempo do profeta Isaías prestavam um culto hipócrita à Deus. Não era um culto honesto e sincero, mas um culto teatral, falso e fingido. Eles apresentavam apenas o exterior e não um culto saído do coração; isto não era aceito por Deus, era repudiado. Infelizmente isto estar acontecendo em nossos dias, a religião para muitos tem se tornado um refúgio para servir de esconderijo. Mas Deus está irado com muitos que dizem ser discípulos de Jesus, porém na prática eles envergonham e escandalizam o evangelho. Deus está irado e insatisfeito com as atitudes de muitos lideres que estão fazendo do povo negócio e os induzindo ao erro. Deus não está satisfeito com muitos pastores que estão sonegando a sua palavra e distraindo o seu povo com louvorzão e outros entretenimento. Deus está irado com as igrejas que são puro comércio, onde a fé é materializada e se vende tudo ungido em troca de curas, libertação ou solução de problemas. Deus está irado com a hipocrisia de muitos crentes que se dizem cristãos, estão dentro das igrejas vivendo de aparências, sendo pedra de tropeço, fazendo guerras e semeando contendas no meio do povo de Deus. Que todos estes se arrependam e Deus tenha misericórdia, e que as máscaras venham a cair e tudo que estiver encapado seja descoberto, para que a ira de Deus se afaste e a sua graça e o seu perdão possa alcançar a estes. E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra (2Cr.7.14). Amém.