sábado, 9 de novembro de 2013

LÍNGUA, UM MEMBRO INDOMÁVEL.

Texto básico:  Pois toda espécie de feras, aves, répteis e criaturas marinhas é possível domar e, de fato, tem sido domada pelos seres humanos; a língua, contudo, nenhuma pessoa consegue dominar. É um mal incontrolável, cheia de veneno mortal. Tiago.3.7,8.

Introdução: A língua é um órgão que articula as palavras e produz a fala. No mundo da comunicação as palavras faladas e escritas são muito importante. O ser humano não pode viver sem comunicação; porém a má comunicação, ou seja, palavras ditas precipitadamente e fora do tempo, pode desencadear uma série de problemas na vida das pessoas e até leva-las a  morte; infelizmente isso é fato. Com o passar dos tempos o homem tem desenvolvido técnicas e habilidades para manobrar e controlar vários inventos e coisas, inclusive até os animais; porém nenhum homem tem o poder de dominar a sua própria língua. Na verdade existem pessoas que procuram ser prudentes no falar, outras preferem falar menos; todavia o lado emocional destas pessoas pode ser abalado e elas perderem o controle e se precipitarem em palavras.

TRÊS TIPOS DE COMPORTAMENTO NO FALAR:

1. Os que falam precipitadamente.
Tens visto um homem precipitado nas suas palavras? Maior esperança há de um tolo do que dele. Pv.29.20.

2. Os que falam perversamente.
Os lábios justos sabem como falar agradavelmente; entretanto, a boca, dos ímpios só tagarela perversidades. Pv.10.32.

3. Os que falam prudentemente.
Na multidão de palavras não falta transgressão, mas o que modera os seus lábios é prudente. Pv.10.19.

CINCO EFEITOS NEGATIVOS PRODUZIDOS PELA LÍNGUA.

1. ANGÚSTIA.
O que guarda a boca  e a língua guarda das angústias a sua alma. Pv.21.23.

2. PERTURBAÇÃO.
O que guarda a sua boca conserva a sua alma, mas o que muito abre os lábios tem perturbação. Pv.13.3.

3. CONTENDA.
Os lábios do tolo entram na contenda, e a sua boca brada por açoites. Pv.18.6.

4. DESGRAÇA.
O homem de coração maldoso jamais prospera de fato, e o de  língua mentirosa logo cai em desgraça. Pv.17.20.

5. MORTE.
A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto. Pv.18.21.   

CINCO EFEITOS POSITIVOS PRODUZIDOS PELA LÍNGUA.

1. CONHECIMENTO.
Os lábios dos sábios derramam o conhecimento, mas o  coração dos tolos não fará assim. Pv.15.7.

2. VIDA.
Uma língua saudável é árvore de vida, mas a perversidade nela quebranta o espírito. Pv.15.4.

3. SAÚDE.
Há alguns cujas palavras são como pontas de espada, mas a língua dos sábios é saúde. Pv.12.18.

4. SABEDORIA.
A língua dos sábios adorna a sabedoria, mas a boca dos tolos derrama a tolice. Pv.15.2.

5. LONGEVIDADE.
Quem é o homem que deseja a vida, que quer largos dias para ver o bem? Guarda a tua língua do mal e os teus lábios de falarem enganosamente. Aparta-te do mal e faz o bem; procura a paz e segue-a. Sl.34.12-14.

Conclusão: Muitos entraram em perturbação e estão em situações difíceis por haverem falado precipitadamente e fora de tempo. Há um ditado que diz: Há três coisas que não voltam mais: A oportunidade perdida, a flecha que foi atirada, e a palavra falada. A língua dos sábios falam no tempo certo. Está escrito: O homem se alegra na resposta da sua boca, e a palavra, a seu tempo, quão boa é! (Pv.15.23). Que a nossa língua seja disciplinada para edificação e bem daqueles que nos ouve. Amém!