sábado, 25 de janeiro de 2014

INVEJA, O DESGOSTO PELA FELICIDADE ALHEIA

O furor é cruel e a ira destruidora, mas quem resistirá diante da inveja? (Provérbios, 27.4).

Inveja, palavra proveniente do latim invidĭa, significa o desejo de obter algo que outra pessoa possui e que você não tem. Representa a tristeza ou o pesar pelo sucesso do outro. Vivemos em um mundo cheio de pessoas invejosas; muitas pessoas não se conformam com o que tem e nem com o que são e querem possuir o que os outros tem. A inveja é um Sentimento de cobiça à vista da felicidade, da superioridade de outrem. Ter inveja de alguém é uma Sensação ou vontade indomável de possuir o que pertence a outra pessoa. Por exemplo: Tem mulher que tem inveja do marido da outra; tem gente que tem inveja da beleza do outra; tem empregado que tem inveja do seu chefe; tem pessoas que tem inveja dos vizinhos: Dos objetos, dos bens, das posses, do carro, da casa, e até da família de um modo geral. Há um ditado popular que diz: Inveja é a falta de capacidade. A bíblia diz: O coração com saúde é a vida da carne, mas a inveja é a podridão dos ossos (Pv.14.30). Ou seja, a inveja corrói como o câncer. Tem muita gente doente, morrendo de inveja dos outros, perdendo o seu tempo cobiçando o que outro tem e até desejando-lhe o mal. Muitos são vítimas de inveja e não percebem. A inveja é um mal silencioso que surge muitas vezes por parte de pessoas que está ao nosso lado e que se diz ser nosso amigo (a). O grande problema é quando o invejoso se torna uma pessoa compulsiva é quer a qualquer custo possuir aquele objeto de sua cobiça. Foi por causa da inveja que Caim matou seu irmão Abel. Ele se preocupou com o sucesso e aceitação de Abel diante de Deus, em vez de procurar fazer o seu melhor para Deus. A inveja é um dos sentimentos que faz parte da vida daqueles que não nasceram de novo. Um verdadeiro filho de Deus, não vive com um sentimento de cobiça, invejando a vida dos outros.

CINCO CARACTERÍSTICAS QUE IDENTIFICAM UMA PESSOA INVEJOSA:

1. É TRAIDORA.
Até o meu próprio amigo íntimo, em quem eu tanto confiava, que comia do meu pão, levantou contra mim o seu calcanhar (Sl.41.9).
Pois não era um inimigo que me afrontava; então eu o teria suportado; nem era o que me aborrecia que se engrandecia contra mim, porque dele me teria escondido, mas eras tu, homem meu igual, meu guia e meu íntimo amigo. Praticávamos juntos suavemente, e íamos com a multidão à casa de Deus (Sl.55.12-14).

2. É INCONSTANTE.
O verdadeiro amigo não é invejoso nem inconstante.
Em todo tempo ama o amigo; e na angústia nasce o irmão (Pv.17.17).

3. É FINGIDA.
Diz que ama e que é amigo, mas é só de aparência.
O amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem. Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros (Rm.12.9,10).

4. É MALICIOSA.
Ela procura utilizar meios e artifícios para impedir e destruir todos os planos e sonhos dos outros.
Firmam-se em mau intento; falam de armar laços secretamente e dizem: Quem nos verá? Fazem indagações maliciosas, inquirem tudo o que se pode inquirir; até o íntimo de cada um e o profundo coração (Sl.64.5,6).

5. É ENGANADORA.
Vive uma vida de engano, aparenta ser uma pessoa de caráter, mas é pura hipocrisia.
Diz que é amiga, que admira, que é fã, mas é tudo um engano. 
Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te (2Tm.3.5).

CONCLUSÃO:
Inveja é uma das manifestações das obras da carne, quem tem este sentimento mesquinho é simplesmente uma pessoa insegura, fraca e incapaz. Uma pessoa invejosa é incapaz de ver a felicidade dos outros. 
Há uma frase que diz: Feliz é aquele que vê a felicidade dos outros sem ter inveja. O sol é para todos e a sombra para quem merece.